Participe

Intensa massa de ar frio deve derrubar a temperatura na próxima semana

Pode ser uma imagem de mapa e textoUma intensa massa de ar frio deve atingir o país a partir do próximo domingo (15), causando queda drástica de temperatura, que poderá chegar a 10°C, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).
 
A partir de segunda (16), a massa deve avançar da Região Sul para as regiões Centro-Oeste e Sudeste e, até a noite deste dia, poderá atingir, inclusive, os estados de Rondônia e Acre.
 
A imagem mostra a previsão de temperatura mínima na madrugada de terça-feira (17). Os locais com tons em azul e roxo indicam áreas com previsão de temperatura mínima menor que 12°C.
Destaque para áreas nas serras Gaúcha e Catarinense e no Planalto Sul do Paraná, onde as temperaturas poderão ser negativas. Ainda de acordo com o Inmet, a tendência é de condições favoráveis à formação de geada ampla na Região Sul e em pontos do sul de Mato Grosso do Sul e da Região Sudeste.
 
Minas Gerais
 
Os mineiros também já podem se preparar para a semana com queda de temperatura. O meteorologista do Inmet Claudemir Azevedo disse que novos recordes podem ser batidos. Até o momento, a menor temperatura de 2022, em Minas Gerais, foi 2,5ºC registrada no dia 16 de abril, em Maria da Fé, no Sul de Minas.
 
Itatiaia
13/05/2022

Evangelho do Dia

Terça, 24 de maio de 2022

Jo 16,5-11

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 5“Agora, parto para aquele que me enviou, e nenhum de vós me pergunta: ‘Para onde vais?’ 6Mas, porque vos disse isto, a tristeza encheu os vossos corações. 7No entanto, eu vos digo a verdade: É bom para vós que eu parta; se eu não for, não virá até vós o Defensor; mas, se eu me for, eu vo-lo mandarei. 8E quando vier, ele demonstrará ao mundo em que consistem o pecado, a justiça e o julgamento: 9o pecado, porque não acreditaram em mim; 10a justiça, porque vou para o Pai, de modo que não mais me vereis; 11e o julgamento, porque o chefe deste mundo já está condenado”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.