Participe

Mulher é presa por matar o irmão com facada no braço, em distrito de Bom Jesus do Galho

sirene-pm-policia | Noticias de Nova Mamoré em tempo real | Portal MamoreUma mulher de 37 anos foi presa por matar o próprio irmão, de 33 anos, com uma facada. O crime aconteceu em Revés do Belém, distrito de Bom Jesus do Galho, na madrugada desta quinta-feira (25).

Segundo a Polícia Militar, o homem estava acompanhado da namorada e da irmã, e todos faziam uso de bebida alcoólica.

O homem começou a discutir com a namorada por ciúmes e depois agrediu a mulher com socos e chutes. Quando elar pediu socorro, a irmã dele interveio e passou a discutir com o homem, que também a agrediu.

A irmã saiu de perto e retornou com uma faca, desferindo um golpe no braço direito do irmão.

Quando a PM foi acionada, o homem estava vivo, porém sangrando. A irmã dele contou que não o atacou com a intenção de matar.

Foi acionada uma ambulância do município para socorrer o homem para o hospital. Durante o trajeto, a vítima chegou a conversar e a pedir água.

Porém, ao chegar na UPA de Ipatinga, a equipe da unidade de saúde constatou que homem já estava sem vida.

A autora, irmã da vítima, foi presa e encaminhada para a Delegacia Civil junto à faca utilizada no crime.

 

G1

25/11//2021

Evangelho do Dia

Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Mt 15,29-37

Naquele tempo, 29Jesus foi para as margens do mar da Galileia, subiu a montanha, e sentou-se. 30Numerosas multidões aproximaram-se dele, levando consigo coxos, aleijados, cegos, mudos, e muitos outros doentes. Então os colocaram aos pés de Jesus. E ele os curou. 31O povo ficou admirado, quando viu os mudos falando, os aleijados sendo curados, os coxos andando e os cegos enxergando. E glorificaram o Deus de Israel.

32Jesus chamou seus discípulos e disse: “Tenho compaixão da multidão, porque já faz três dias que está comigo, e nada tem para comer. Não quero mandá-los embora com fome, para que não desmaiem pelo caminho”.

33Os discípulos disseram: “Onde vamos buscar, neste deserto, tantos pães para saciar tão grande multidão?” 34Jesus perguntou: “Quantos pães tendes?” Eles responderam: “Sete, e alguns peixinhos”. 35E Jesus mandou que a multidão se sentasse pelo chão. 36Depois pegou os sete pães e os peixes, deu graças, partiu-os, e os dava aos discípulos, e os discípulos, às multidões. 37Todos comeram, e ficaram satisfeitos; e encheram sete cestos com os pedaços que sobraram.

  — Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.