Participe

Apac de Inbhapim recebe inspeção da FBAC

Pode ser uma imagem de ao ar livre e texto que diz "APAC AP INHAPIM"A Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) de Inhapim recebe, durante esta semana, a inspeção realizada pela Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC). A ação teve início em 8 de agosto e será finalizada nesta sexta-feira (12).

Leia mais...

Homem é morto à pedradas em São Sebastião do Anta

Pode ser uma imagem de 4 pessoas e ao ar livreO crime aconteceu por volta das 22h desta quarta-feira (10), na Vila dos Belmiros, em São Sebastião do Anta. De acordo com informações da Polícia Militar, Odair José de Oliveira, 62 anos, foi morto a pedradas, após discussão na frente do bar em que era proprietário.

Leia mais...

Novo golpe do Pix induz vítimas a baixar aplicativos que dão acesso remoto do celular a criminosos

Pode ser uma imagem de telaUm aposentado no RJ perdeu R$ 60 mil em uma nova modalidade de golpe via Pix. Antônio Manoel contou que foi induzido a baixar aplicativos que deram total controle de seu celular aos bandidos.
 
Ele nem desconfiou que estava sendo enganado, pois quem ligou tinha várias informações pessoais dele. “Me ligaram como se fosse ligando do Banco do Brasil. E no visor do celular, aparecia o número do banco”, lembrou.

Leia mais...

Whatsapp desenvolve novas funções para usuários do aplicativo

Chega nova função no WhatsApp que deixará mais fácil saber o que os outros  estão fazendo - Portal 6Você já passou pelo dilema de sair ou não de um grupo do Whatsapp? Pois é, esse é um dos males da vida moderna.

Digamos que você está em um grupo, mas cansou das conversas e quer sair. Você precisa se despedir? Agradecer? Ou pode só sair e seguir com a vida?

Nem sempre é simples, mas uma nova função vai permitir a saída silenciosa do grupo. Só os administradores vão ficar sabendo. E as pessoas gostaram da ideia.

Outra novidade bem recebida é que o usuário vai poder escolher quem consegue ver o status online no perfil.

Leia mais...

Evangelho do Dia

Quinta-feira, 11 de agosto de 2022

Mt 18,21-19,1

Naquele tempo, 18,21Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: “Senhor, quantas vezes devo perdoar, se meu irmão pecar contra mim? Até sete vezes?” 22Jesus respondeu: “Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete. 23Porque o Reino dos Céus é como um rei que resolveu acertar as contas com seus empregados. 24Quando começou o acerto, trouxeram-lhe um que lhe devia uma enorme fortuna.

25Como o empregado não tivesse com que pagar, o patrão mandou que fosse vendido como escravo, junto com a mulher e os filhos e tudo o que possuía, para que pagasse a dívida. 26O empregado, porém, caiu aos pés do patrão, e, prostrado, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei tudo’. 27Diante disso, o patrão teve compaixão, soltou o empregado e perdoou-lhe a dívida. 28Ao sair dali, aquele empregado encontrou um dos seus companheiros que lhe devia apenas cem moedas. Ele o agarrou e começou a sufocá-lo, dizendo: ‘Paga o que me deves’.

29O companheiro, caindo aos seus pés, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei’. 30Mas o empregado não quis saber disso. Saiu e mandou jogá-lo na prisão, até que pagasse o que devia. 31Vendo o que havia acontecido, os outros empregados ficaram muito tristes, procuraram o patrão e lhe contaram tudo. 32Então o patrão mandou chamá-lo e lhe disse: ‘Empregado perverso, eu te perdoei toda a tua dívida, porque tu me suplicaste. 33Não devias tu também, ter compaixão do teu companheiro, como eu tive compaixão de ti?’

34O patrão indignou-se e mandou entregar aquele empregado aos torturadores, até que pagasse toda a sua dívida. 35É assim que o meu Pai que está nos céus fará convosco, se cada um não perdoar de coração ao seu irmão”. 19,1Ao terminar estes discursos, Jesus deixou a Galileia e veio para o território da Judeia além do Jordão.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.